sexta-feira, 27 de dezembro de 2013



Peco por ser romântica
Acredito no amor
Mesmo sabendo que esta raro
É raro encontrar romantismo em pleno século XXI
Tenho certeza que nasci no século errado
Quero andar de mãos dadas
Olho no olho
Sorrir de coisas bobas
Me apaixonar por simples gestos
Quero cafuné
Carinho
Beijos e abraços
Quero tudo isso
Quero um príncipe
Ele não precisa vir num cavalo branco
Precisa ter apenas um coração
Que ele seja romântico
E que me escreva cartas de amor
Sim... quero cartas de amor
Receber flores
Sem datas comemorativas
É pedir demais?
Acho que não...
Afinal todos merecem ser feliz

Lidy Mota



Tem sido difícil
Tentar me separar de você
Decisões difíceis são necessárias
Mas tudo o que quero
É estar com você
Sentir o seu cheiro
Estar em seus braços
Beijar sua boca
Ouvir sua voz chamando meu nome
Ah... como amar tem sido complicado!
Tudo poderia ser tão simples
Mas não é
Poderia ser mais fácil partir
Preciso estar longe de ti
Mas não é isso que meu coração deseja
Quero passar todos os momentos ao seu lado
Quero dormir e acordar com você
Ver seu sorriso em cada amanhecer
Mas a vida tem sido injusta comigo
É um sonho que não se tornará realidade
Preciso partir
Antes que eu me machuque
Talvez já esteja machucada
Mas a minha vontade de ficar é maior que a dor
Melhor eu ir
Antes que seja tarde demais
Adeus!

Lidy Mota

sexta-feira, 6 de setembro de 2013



Desejo
Que os dias passem rápido
Para poder te ver
Olhar nos seus olhos
Sorrir para você
Abraçá-lo
Sentir seu cheiro
Acariciar sua nuca
Beijar sua boca
E me perder
No aconchego dos seus braços
Me embriagar com seu cheiro
Viciada em seus beijos
Eternizar esse momento
Declarando meu amor
Eu te amo!

Lidy Mota




As borboletas
Faz tempo que não apareciam
Sentia falta de seus passos desenfreados
Passos que contorciam meu estômago
Causando um misto
Ansiedade x Felicidade
As borboletas
Começam a voltar
Com novos passos
Passos sincronizados
Mas ainda trazem consigo
Ansiedade x Felicidade
E um leve sabor de paixão
As borboletas
Voltaram
Quero que elas permaneçam
Com seus passos
Que fazem bem
A minha alma
Ao meu coração

Lidy Mota

quarta-feira, 11 de julho de 2012




"A música tem o poder de teletransportar...

Som, letra e melodia

Me leva do presente ao passado

Traz consigo a nostalgia

Lembranças de momentos vividos

Um amor antigo...

Sorrisos...

Histórias...

A música faz parte do meu eu

Do meu presente, passado e futuro!"


Lidy Mota

domingo, 22 de janeiro de 2012



 E de repente...
Me deparo com o AZUL dos seus olhos
O que era passado torna-se presente
Desta vez...
Encontro uma mulher forte
Que não abandonou seu lado menina
Essa mistura menina-mulher
O encanta, o atrai
E esse misto de menina-mulher 
Ou mulher-menina
que o fascina, enlouquece
tem sempre um fim
E o presente tem dia marcado
e vira passado...
E o futuro... para eles não passa de utopia...

Lidy Mota

sábado, 14 de janeiro de 2012


Mudei!
Será?
Como mudou?
Se ainda se importa!
O sentimento continua o mesmo...
E por mais que lute contra
ele insiste em permanecer

Então,
Finjo
Às vezes acredito!
ESQUECI
Mas ele permanece
Quer estar presente
Mesmo sabendo que machuca
Que dói!

Lidy Mota